MENU
X



Home > Destaques
Fala professor
Publicado em: 06/08/2018

Você está preparado para Indústria 4.0?

Você sabe o que é a Indústria 4.0? Sabe quais são as oportunidades e os desafios neste cenário? Sabe o perfil do profissional esperado pelas empresas? E o mais importante: você está preparado?

Até meados do século XVIII a força de trabalho era resumida em atividades artesanais e manufatureiras. Com a primeira revolução industrial, as ferramentas começaram a ser substituídas por máquinas, exigindo novos comportamentos no mundo do trabalho. Tal mecanização trouxe relevantes transformações em quase todos os setores da sociedade.

Já na segunda revolução industrial, ocorrida na virada para o século XX, o trabalho passou a ser mais disciplinado mudando radicalmente o perfil dos profissionais requisitados pelas organizações. A descoberta e o aproveitamento de novas fontes de energia - o petróleo, a água, o urânio - revolucionaram a produção. A divisão de tarefas passou a ser destaque no mundo corporativo, colocando a especialização no espaço antes ocupado pela multifuncionalidade.

A transformação no mundo do trabalho foi ainda maior durante a chamada terceira revolução industrial - meados do século passado, com o desenvolvimento da eletrônica, que permitiu o desenvolvimento da informática e a automação industrial. A fabricação de produtos foi dependendo cada vez mais das máquinas, mudando novamente o desenho dos cargos nas empresas. Algumas profissões foram extintas, outras surgiram e muitas tiveram seus conteúdos alterados.

Em tempos modernos, um novo desafio surge no mundo do trabalho: a quarta revolução industrial. Sim! Ela mesma: a Indústria 4.0. E com ela vêm as novas oportunidades e os novos desafios. Dessa vez, a internet das coisas e a rápida automação industrial revolucionarão a linha de produção.

Novas oportunidades e novos desafios comerciais surgirão com a geração de produtos inovadores que atenderão não somente a demanda pela funcionalidade, mas também a demanda pela aceitação social. No que refere à Gestão de Pessoas não será diferente. Com a inserção de robôs cada vez mais participativos no processo industrial, muda o novamente o desenho organizacional e o perfil do profissional que as indústrias procuram.

Pesquisas mostram uma escassez de trabalhadores qualificados nos próximos vinte anos. Isso não significa que as pessoas serão eliminadas das linhas de produção em função ao avanço tecnológico, mas que exercerão atividades estratégicas, especialmente nos cargos relacionados a controle avançado de dados, robótica, mercado e gestão de pessoas, já que diversas pesquisas apontam para o surgimento de novos cargos relacionados com a área.Com máquinas fazendo atividades braçais, os profissionais que mais se destacarão no mercado de trabalho serão aqueles que atuam com resolução de problemas, criatividade, interação interpessoal e pensamento crítico.

E aí, como você está se preparando?

 

Autora: Jocélia Gumiere - Professora e Coordenadora do curso superior de Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos.

Voltar
LiveZilla Live Chat Software